fbpx
Planejamento Financeiro É Mais Que Uma Planilha

Como Economizar Dinheiro A Partir De Agora

By 21 de maio de 2019 agosto 12th, 2019 No Comments

Economizar dinheiro é um hábito importante em qualquer etapa das nossas vidas, mas quando se trata de uma vida a dois, essa prática tem um peso bem maior. Afinal, é o momento de unir forças e realizar desde os sonhos mais básicos, como comprar um eletrodoméstico, até aqueles mais elaborados, como uma viagem de férias.

Sempre que conheço uma pessoa em meu trabalho minha pergunta é a mesma “Qual o seu MAIOR desafio financeiro?”. Sabe qual é a resposta mais frequente? “Guardar dinheiro”.

Mais um pouco de conversa e consigo chegar em alguns porquês da pessoa não conseguir manter esse hábito.

Confira a seguir algumas dicas valiosas de como começar a poupar dinheiro de imediato e fazer aquela reserva financeira tão desejada para levar a vida de uma maneira mais tranquila.

Por que é importante economizar dinheiro?

Definir um objetivo claro do que fazer para economizar dinheiro facilita o ato de poupar.

Definir um objetivo claro do que fazer para economizar dinheiro facilita o ato de poupar.

Economizar dinheiro sempre é uma boa alternativa, afinal, quando você escolhe e decide gastar menos com alguma coisa, mais dinheiro você tem guardado para gastar sem culpa em algo que é realmente importante para você..

Mas, infelizmente, o ato de poupar não é tão comum como deveria e as pessoas só começam a pensar seriamente no assunto depois de adultas e quando percebem que o salário não cobre todas as contas que ela faz em um mês.

E quando duas pessoas começam a morar juntas, aí é que esse cuidado deve ser redobrado. Não dá para levar para uma vida a dois o mesmo estilo de vida de quando era solteiro, com muito dinheiro gasto em festas e lanches fora de casa, não é verdade?

É verdade que as contas agora serão divididas, mas, por outro lado, o valor delas será bem mais alto e os sonhos e planos serão redobrados também. Portanto, economizar deve ser uma prática diária da vida do casal. Veja a seguir algumas dicas bem legais para começar a ter um dinheirinho sobrando.

Dicas de como economizar dinheiro

Que tal poupar para quitar as parcelas da casa?

Que tal poupar para quitar as parcelas da casa?

A gente sabe que precisa economizar, mas nem sempre sabe por onde começar. E se você pensa que é necessário transformar a sua vida, está enganado. Em muitos casos, bastam algumas mudanças e um pouco de planejamento.

Tenha um controle de gastos

Não é à toa que o controle de gastos é a primeira dica deste artigo. Ele é fundamental para quem deseja economizar. Se planejar financeiramente nada mais é do que organizar as suas finanças, sempre com objetivos claros que podem ser a curto, médio e longo prazo.

Para isso, você precisa sentar com o seu parceiro ou parceira, listar os rendimentos de cada um, as despesas pessoais e da casa e as metas que pretendem alcançar em um futuro próximo ou mais distante. E, claro, sem esquecer os sonhos individuais e do casal também.

Registre os seus gastos

Quando você não sabe para onde está indo o seu dinheiro é importante anotar todos os gastos, inclusive aquelas pequenas despesas diárias, e identificar o que pode ser reduzido ou até eliminado.

É importante que tudo seja anotado. Mas, não precisamos nos preocupar demais com isso, por exemplo , se você gasta pouco em dinheiro, quando fizer um gasto com essa forma de pagamento anote em “Saques do Mês” e se não lembrar de um gasto anote como “Gastos Comigo”.

Se esses gastos começarem a ficar significativos, por exemplo 5% da renda mensal em um determinado momento, temos que ir mais a fundo e verificar o que está acontecendo. Mas, contanto que esse “Outros” continue pequeno muitas vezes não é preciso ficar tão preocupado.

De certa forma, é melhor focar nos grandes ganhos primeiro, node realmente vai fazer a diferença.

Crie metas para as suas despesas

Pode parecer um pouco limitador definir um valor X para determinada categoria de compras, mas a ideia é essa mesma. Estipular uma quantia para cada tipo de compra vai fazer com que você priorize o que é mais importante e reduza os supérfluos.

Identifique quanto custa os seus gastos mensais e reserve esse valor. Depois, defina quanto deverá gastar com o lazer, as compras do supermercado, gastos com salão de beleza, combustível e, claro, faça a sua reserva financeira. É importante que as suas despesas sejam menores do que as suas receitas.

Economizar deve ser um hábito da família inteira.

Economizar deve ser um hábito da família inteira.

Costumo dizer que devemos dividir nossos gastos em 3 categorias principais: Custo de Vida, Investimentos e Gastos Sem Culpa.

Quanto você reserva para cada valor? Uma sugestão é 60% Custo de Vida, 25% investimentos e 15% Gastos Sem Culpa.

Já pensou em gastar 15% do que ganha inteiramente em coisas que te deixam mais feliz?

Não tenha medo de falar sobre dinheiro

Dinheiro não é algo ruim, pelo contrário. É algo que ajuda a conquistar muitos objetivos e a realizar sonhos. Mas é preciso falar sobre ele com seu parceiro e não se sentir mal por isso. Quando ambos sabem o motivo pelo qual estão fazendo economia, fica mais fácil entender e fazer a sua parte.

Lembre-se, dinheiro é só uma ferramenta para conquistarmos nossos sonhos. Temos que aprender a manusear a ferramenta correta, por exemplo, fica muito difícil colocar um prego na parede com uma chave de fenda, mas com um martelo se torna algo muito simples.

Reduza o uso do cartão de crédito

O cartão de crédito facilita muito as nossas vidas, mas pode virar um grande problema quando o valor da fatura não cabe no orçamento. O ideal é reduzir ao máximo o seu uso e fazer todos os pagamentos com dinheiro vivo.

Experimente. Quando compramos alguma coisa com dinheiro em vez de usar o cartão, sentimos mais vontade de economizar porque sentimos e vemos o dinheiro saindo do nosso bolso ali, naquele momento.

Quando ainda não se tem um bom controle financeiro, o cartão pode trazer uma variável de complicação na tentativa de se organizar. Isso acontece porque as pessoas o usam para suprir uma falta de reserva de emergência e não somente como uma forma de concentrar o pagamento em um determinado dia do mês.

Se ele é uma “emergência” para você, então reveja seus conceitos e pare de usar por um tempo ou indefinidamente.

Aproveite os pontos do seu cartão de crédito

Se você já tem algumas parcelas a vencer dentro do seu cartão ou já fez uso dele bastante tempo, que tal verificar se possui pontos acumulados? Nem todo mundo sabe, mas a maioria das operadoras de cartão possui um sistema de acúmulos de pontos que permite trocá-los por diversos itens como alimentos, utilidades domésticas, descontos e muito mais.

É uma vantagem e um prêmio para quem usa o cartão com consciência. O problema é que muita gente paga anuidade do cartão e boletos por exemplo que fazem com que esse benefício seja zerado ou a pessoa fique no prejuízo financeiro.

O cartão de crédito pode ser o maior aliado ou o maior rival do seu controle financeiro.

”Destralhe” a sua casa para economizar dinheiro

Pode parecer que essa dica não tem nada a ver com economizar dinheiro, mas tem, sim. “Destralhar” quer dizer dar um fim em tudo que você não usa, que está quebrado, em excesso, etc. Você pode encontrar objetos que podem ser reutilizados, vendidos ou doados.

Quando você desapega de algumas coisas, acaba vendo melhor o que tem, percebendo novas utilidades, novos jeitos de usar. Vale tentar.

Por exemplo, coloque uma meta de juntar 1 salário como uma primeira reserva de emergência. Isso fará mais sentido na hora de escolher o que “destralhar” e o que não destralhar.

Desafie-se a não comprar

Diga para si mesma e para o seu parceiro ou parceira que vocês não irão comprar nada pelos próximos cinco dias, por exemplo. Comprar não tem que ser um hábito diário. Aprenda a dizer não para si mesmo de vez em quando. O seu bolso agradece no final.

Uma vez dei essa dica para uma cliente e ela escreveu dia a dia os sentimentos e vontades que ela teve durante essa semana sem compras. Foi difícil, mas de um aprendizado ímpar!

Aproveite as promoções do supermercado

Faça as compras da casa no dia de oferta. Cada supermercado tem, pelo menos, o dia das frutas e verduras e o dia da carne. Compare os preços desses produtos nesses dias com o valor cobrado nos outros dias da semana e verá a diferença. Ou opte por comprar em feiras livres.

A compra do mês cria um problema invisível que é dinheiro parado na dispensa, ou seja, quanto mais produtos estão na sua dispensa a espera de serem usados, menos esse dinheiro está rendendo em uma aplicação financeira.

Além disso, os produtos estragam e você acaba jogando dinheiro fora nesse processo, quanto mais frequente forem ao mercado, melhor será o fluxo financeiro da casa.

Analise as suas tarifas

Esta dica vale para as tarifas do cartão de crédito, do banco, plano de saúde, etc. Saiba com clareza se realmente está usando aquilo que está pagando. Crie o hábito de analisar a fatura confirmando os gastos e não apenas pagar.

Uma dica interessante é anotar em todos os boletos recebidos o que eu deveria fazer com essa conta? Dá para baixar o valor sem perder qualidade de vida? Dá para negociar um valor mais baixo?

Isso vai ajudar muito nesse processo de reduzir tarifas e custos da casa.

Pague as contas em dia

Pagando suas contas em dia, você não paga juros e multa. Uma dica é pagar tudo logo assim que receber o salário. Além de não atrasar, você fica apenas com o necessário para usar ao longo do mês.

Aprenda a poupar

Faça da poupança um item fundamental no seu orçamento. É como se você tivesse que pagar a si mesmo todo mês. E não vale furar.

Defina um percentual da renda e guarde como se fosse uma conta. Cada real guardado é um “muito obrigado” do seu eu futuro.

Além da poupança mensal, que tal voltar a usar um cofrinho? Junte aquelas moedinhas que sempre sobram na bolsa, na carteira e guarde-as lá. Você ficará surpreso quando for contar a quantia que tem lá dentro. No final do mês, leve ao banco e deixe esse dinheiro rendendo.

Afinal, dinheiro parado em casa é dinheiro que está perdendo seu valor com a inflação.

Economizar dinheiro nas contas de casa

Água, luz, telefone, gasolina, compras do mês, tudo pode ser economizado. Mais uma vez, estipular metas ajuda a não sair do controle.

Tenha um objetivo

Se você nunca consegue poupar nada, liste agora um item que deseja comprar ou uma viagem que deseja fazer e você terá um motivo para economizar dinheiro. Lembre-se dele todos os dias e será muito mais fácil cumprir o objetivo.

Economizar dinheiro não deve ser encarado como algo ruim, mas como uma estratégia para alcançar sonhos. Conta para mim nos comentários o que você já faz e o que você não faz dessa lista.